O Passado Condena #1

Amaldiçoar os votantes da AMPAS por preferências estapafúrdias é o esporte favorito de 10 entre 10 cinéfilos, dentre os quais me incluo, deixando a hipocrisia de lado por um instante. Reavaliando algumas das minhas escolhas do passado nem tão longíquo, descobri que, sob o risco de incorrer na hipocrisia, a solução mais sensata é aceitar que somos todos suscetíveis de errar uma vez ou outra, e tal fato desabonador reconhecer.

Senão, vejamos:

Finalistas ao "prêmio" de Melhor Filme visto em 2005 nos cinemas, na seleção publicada no "Império Cinéfilo 2".

Finalistas ao ‘prêmio’ de Melhor Filme visto em 2005 nos cinemas, na seleção publicada no “Império Cinéfilo 2”.

E a revolucionária, profunda e inesquecível obra-prima pinçada dentre os cinco pelo blogueiro que vos escreve foi... "Ray".

E a revolucionária, profunda e inesquecível obra-prima pinçada dentre os cinco pelo blogueiro que vos escreve foi… “Ray”.

O tempo passa, pessoas amadurecem, a quilometragem (de vida e filmes) se acumula, gostos se sofisticam, o olhar se aprofunda, opiniões se transformam e evoluem – o mesmo valendo para a sensibilidade para detectar pisadas de bola de outrora.

[Fonte]

~ por Gustavo H.R. em 14 de julho de 2010.

12 Respostas to “O Passado Condena #1”

  1. Mas Ray não é de todo mal. Lógico que o Menina de Ouro leva uma certa vantagem, mas não é um desperdício de tempo a cinebio do lendário Ray Charles.

  2. Bem, prefiro Menina de Ouro. Ainda não assisti Ray, não me pergunte o motivo…

  3. Chega até ser engraçado! Dentre os seus selcionados prefiro de longe o filme de Scorsese.

  4. Com certeza. Por isso acho que não devemos ser muito enérgicos ao afirmar que tal filme é uma merda ou que tal filme é uma obra de arte.

    Claro, temos que defender o nosso ponto de vista, mas temos que pensar que um dia ele pode mudar, evoluir…

    • Verdade. Tanto que já estou fazendo postagens que são revisões de resenhas antigas. Não concordo com a “sagrada” Pauline Kael que defendia que a primeira opinião/impressão de um filme é que deve ser mantida…

  5. Eu mesmo mudaria vários de meus indicados das listas de cinema que já fiz, hehehe, exceto a que fiz nesse ano – mas, daqui a pouco tempo, vou olhar para ela e perguntar: “como pude esquecer desse nome?” :)

  6. Interessante isso, Gustavo. E pisadas de bola todos cometem!

  7. Da seleção, amo “Menina de Ouro”, adoro “O Aviador”, acho “Batman Begins” excelente, “Ray” muito bom e “Doze Homens e Outro Segredo” divertido.

Os comentários estão desativados.